21 de set de 2011

Insulina

Insulina
Como já vimos o cortisol, a testoterona, chegou a vez dela considerada por mim e por muitos um dos, ou o hormônio mais perigoso.
A insulina é um hormônio secretado pelas células beta do pâncreas, que promove a entrada de glicose nas células e, também desempenha um papel importante no metabolismo de lipídeos e proteínas. A insulina é fundamental na vida dos diabéticos, mas lá pelos anos 80 começaram rumores de que uma nova droga seria a fórmula mágica dos fisiculturistas.


Ela é comercializada praticamente em 6 versões, mas apenas um tipo destas nos interessa, que é a insulina sintética de ação regular. Com esta insulina sintética fica mais fácil evitar crises de hipoglicemia, pois ela começa a fazer efeito no organismo cerca de 30 minutos após sua utilização, tendo uma duração de 4 à 6 horas, dependendo do tipo podendo chegar no máximo à 8 horas.

Como este é um assunto sério vou detalhar um pouco mais...
Hipoglicemia o nome dado a diminuição do nível de glicose no sangue. A hipoglicemia, por si só não caracteriza doença, mas sim uma alteração secundária à outras doenças ou uso de medicamentos. A Glicemia (nível de glicose no sangue) em jejum é de 60 à 99 mg/dl. Glicemias entre 55 e 60mg/dl podem ser normais para muitas pessoas. Admite-se como hipoglicemia, quando a glicose plasmática está abaixo de 55mg/dl para homens e 45mg/dl para mulheres, independentemente do horário em que foi realizada a medição.
Atenção aos Sintomas da Hipoglicemia 
Os mais frequentes são visão turva, tonturas, fraqueza, dor de cabeça, pensamento lento, formigamento, sensação de fome, dificuldade de concentração, irritabilidade e alterações de comportamento.
EM CASOS MAIS GRAVES : CONVULSÕES, COMA E MORTE.
Voltando lá em cima, com o uso da insulina regular, o usuário tem mais chances de observar e controlar a ação da droga através da ingestão de carboidratos.
No caso de alguns fisiculturistas, ela é usada juntamente com algum esteróide anabolizante. Mas, um dos seus efeitos indesejados pode ser um big barrigão. E tem casos que eu já vi...kkkk...que a barriga do camarada, sem comentários!!!
O motivo pelo qual a insulina é tão procurada por atletas e praticantes amadores, são suas propriedades anabólicas:

  • Aumento considerável sobre a absorção de aminoácidos, estimulando assim a síntese de proteína
  • Ajuda a produção de testoterona
  • Aumento da massa magra
  • Inibe a produção da enzima Aromataze, sendo assim se obtém maior circulação de testoterona livre. A enzima aromataze é responsável pela transformação dos hormônios androgênicos em estrogênio.
Achou bom?Tem certeza? Calma lá!Este é um território muito perigoso, não estamos falando de esteróides, que lógico fazem mal, mas as consequências são ao longo do tempo e, sim de uma droga que pode te matar. Obs.: Nunca use a insulina no início da noite. As chances de você ter uma crise de hipoglicemia durante o sono é muito grande.

Com este artigo, eu tento passar para meus amigos que se você não é um profissional e não tem um acompanhamento médico específico e praticamente diário para o uso desta droga, fique longe da insulina, porque muitos profissionais já se deram muito mal com ela.
Não vamos nos esquecer que nada vai mudar ou melhorar se você não tiver : um treinamento correto, uma dieta personalizada e muita força de vontade. Quero deixar bem claro que em momento algum eu estou afirmando que todos os atletas profissionais fazem uso da insulina, tampouco estamos incentivando o seu uso à ninguém!

Bons Treinos e FORÇA TOTAL

Daniel Eduardo Barbosa

Um comentário:

  1. mt bom... fora o risco de ter q usar insulina sintetica pra sempre, virando um diabético rsrs...

    ResponderExcluir